Imagem :Lucas Lins

Com o objetivo de ampliar a participação dos agentes culturais e fazedores de cultura de Lauro de Freitas, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (SECULT), lançou neste sábado (21) os editais do Programa Paulo Gustavo para fomentar a área no município. O evento aconteceu no Cine Teatro, no Centro.

Nesta segunda-feira (23) serão publicados os editais. No mesmo dia os interessados poderão realizar as inscrições a partir das 23h59. O prazo se encerra também às 23h59 do dia 13 de novembro. Podem participar apenas aqueles que comprovem habilitação no Cadastro Municipal de Cultura (CADASCULT). O proponente só poderá inscrever uma proposta por categoria. Uma vez enviada, a proposta não poderá mais ser alterada.

A prefeita Moema Gramacho não pôde comparecer ao evento por questões de saúde, mas enviou um vídeo reforçando o trabalho desempenhado no município na área cultural. “É uma excelente oportunidade lançar esses editais da Programa Paulo Gustavo. Hoje temos a cultura de volta no nosso país e também no nosso município. Quero parabenizar o Governo Federal e o Governo do Estado. A verdade é que Paulo Gustavo não vai sair nunca das nossas memórias. É preciso também reforçar o quanto o Conselho Municipal de Cultura de Lauro de Freitas é atuante, o que é fundamental para democratização da cultura em nosso município”, disse a gestora.

Através do Ministério da Cultura (MinC), Lauro de Freitas recebeu R$1.761.676,87 em recursos para serem aplicados em projetos de audiovisual e demais línguas artísticas locais. Destaca-se que o município foi o primeiro a ser beneficiado com os recursos aprovados pelo Governo Federal. São dois editais que estão distribuídos da seguinte forma: apoio a produções audiovisuais: R$ 933.336,41; apoio a salas de cinema: R$ 213.339,07; capacitação, formação e qualificação no audiovisual e apoio a cineclubes e a festivais e mostras: R$ 107.109,95 e demais áreas: R$ 507.891,44.

Com 15 anos de atuação no cenário hip-hop no município, Anderson Dantas, o ‘MC Zidane’, gostou da oportunidade que o programa vai oferecer. “A Lei Paulo Gustavo veio para dar um incentivo a mais para todos nós produtores culturais, músicos, artistas. Precisamos desse incentivo para continuar com o nosso trabalho, para quem realmente faz acontecer na cena em Lauro de Freitas. E com certeza vai dar uma visibilidade maior para todos os artistas. Nota 10!”, avaliou o morador do Centro.

Para o secretário da SECULT, André Pereira, o primeiro passo foi dado e ele avalia que é preciso continuar fazendo cultura em Lauro de Freitas. “Isso aqui é a culminância de muito trabalho que nos dá uma expectativa grande. Esperamos por mais de um ano por esse momento, aguardando a regulamentação da lei e nesse momento podemos fazer a aplicação e distribuição desse recursos. Vamos fazer tudo da forma mais prática e democrática possível. Vamos seguir fazendo e com certeza ainda esse ano teremos muita entrega no setor cultural”, garantiu.

Márcio Brito
Serrinha-BA, Blogueiro, Redator, Repórter, Rádio, Site, Magistério, Direitos Humanos, Limpeza Urbana, Manejo de Resíduos Sólidos, Material de Const. e Hospitalar.

    Oriente Médio: palestinos e israelenses veem xenofobia e desinformação

    Artigo anterior

    Plataforma pretende reunir pesquisas sobre a Doença de Chagas

    Próximo artigo

    Você pode gostar

    Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *